Greve dos servidores do INSS chega ao fim

Imagem do Notícia

Greve dos servidores do INSS chega ao fim

Assembleias estaduais nesta sexta-feira (25) sacramentaram o fim da greve dos servidores do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) após 81 dias. Ao todo, 25 estados já optaram pelo encerramento da paralisação, faltando apenas Goiás e Paraíba. As agências voltariam a funcionar entre segunda-feira (28) e terça-feira (29).

O consenso sobre o fim da greve veio após o entendimento de que as negociações com o governo não devem avançar, diante do cenário econômico do País e após mais um pacote de ajustes apresentado pela presidenta Dilma Rousseff (PT), segundo a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social (CNTSS/CUT).

“O governo nos informou de que chegou em seu limite de oferta e que não há mais espaço para modificar a contraproposta apresentada por eles. Neste sentido, nossas plenárias analisaram essa situação e optaram por encerrar a greve”, explicou Sandro Alex Oliveira Cezar, presidente da CNTSS/CUT.

O reajuste pedido pela categoria foi de 27,5%. Porém, o governo enviou, em sua última proposta, uma oferta de 10,8% de aumento, pago em duas parcelas, em agosto de 2016 a primeira, e em janeiro de 2017 a segunda.

As demais reinvindicações da categoria, como 30 horas semanais, incorporação das gratificações, realização de novos concursos públicos e melhorias condições de trabalho, não foram atendidas pelo governo.

Governo e grevistas ainda discutem sobre a possibilidade de plantões para acelerar o atendimento aos usuários do sistema do INSS.

Fonte: CUT Nacional

Escrito por: Igor Carvalho • Publicado em: 25/09/2015 - 17:37 • Última modificação: 25/09/2015 - 17:46

Compartilhe esta Notícia